Férias com os seus cães: 7 cuidados que deve ter em conta



As férias aproximam-se e com elas vem a preocupação com os nossos patudos Neste sentido, apresentamos 7 cuidados a ter nas férias com os seus cães.

Férias com os seus cães: 7 cuidados que deve ter em conta

 

1. Não deixe o seu patudo sozinho!

Quando começa a planear as suas férias é muito importante decidir se irá levar o seu animal consigo ou se vai precisar de procurar um local onde o deixar.

Os cães são animais que não devem nem gostam de ficar sozinhos pois são mais dependentes, necessitando de passear para fazer as suas necessidades, serem alimentados e acarinhados.

Se decidir planear as férias com os seus cães há aspetos que deve de ter em atenção e que iremos abordar no artigo.

Caso a sua opção seja encontrar um lugar onde o seu patudo possa ficar durante as  férias, deverá verificar com antecedência serviços de estadia familiar ou petsitting.

Pode encontrar esses serviços à distância de um “clique” na Zoowish. Basta visitar o nosso site, preencher as informações necessárias  e a Zoowish enviará uma resposta personalizada com os Pet Sitters ideaisl para o seu melhor amigo!

No caso da estadia familiar o Pet sitter que ficar com o seu animal acolhe-o em casa no período que escolheu. Já no caso de petsitting, o Pet Sitter vai a sua casa para tomar conta do seu animal e ainda mantém o correio em dia e as plantas regadas na sua ausência!

 

2. Escolha um local onde aceitem animais

Para passar férias com os seus cães, verifique com antecedência se o local permite que leve animais ou opte por fazer uma pesquisa de hotéis pet friendly  na zona onde deseja ir.

Atualmente há cada vez mais estabelecimentos que aceitam o seu animal de estimação. Contudo, para  deve informar que leva o seu cão e dar pormenores do seu tamanho ao estabelecimento.

 

Férias com os seus cães: 7 cuidados que deve ter em conta

 

3. Verifique se o seu patudo tem as vacinas em dia

Se vai de férias com os seus cães e especialmente para outro país, deve de verificar se as vacinas do seu cão estão em dia e se o seu destino exige mais obrigatoriedades.

Na Europa, é obrigatório que o seu patudo tenha passaporte emitido pelo veterinário, vacina da raiva e o microship. O microship, obrigatório desde 2019, é colocado por qualquer veterinário e destina-se à recuperação de animais perdidos e ao combate ao abandono.

Voltamos a relembrar dos prazos que são sempre importantes, porque os requisitos para que o animal possa viajar podem não ser alcançados rapidamente.

 

4. Garanta que as desparasitações estão em dia antes de ir de férias com os seus cães

É importante verificar se as desparasitações do seu patudo estão em dia. Principalmente porque há zonas onde determinadas doenças podem ser mais transmissíveis, como é o caso da leishmaniose canina. Além disso, durante o verão, acaba por haver uma maior quantidade de parasitas.

 

Férias com os seus cães: 7 cuidados que deve ter em conta

 

5. Verifique se o seu cão está devidamente identificado

Quando viaja pode acontecer algum imprevisto e o seu patudo pode perder-se por alguma razão.

Além do microship, certifique-se que o seu cão tem uma coleira com o seu contacto. Assim, será mais fácil chegar a si o mais rápido possível.

 

6. Faça um check-up veterinário antes de ir de férias com os seus cães

Fazer o check-up no veterinário não é apenas importante devido a desparasitações e vacinas. É igualmente essencial verificar se o  animal está bem de saúde para uma viagem.

Aliás, deve considerar que algumas patologias podem condicionar a viagem do seu patudo. Por exemplo, as patologias cardíacas caso faça longas viagens.

 

Férias com os seus cães: 7 cuidados que deve ter em conta

 

7. Prepare o seu cão para viajar

Seja qual for o transporte que use para ir de férias com os seus cães, deve preparar o seu patudo para a viagem.

Se for de carro é importante que habitue o seu cão a andar no veículo, principalmente se essa viagem for longa. Poderá começar antecipadamente por dar pequenos passeios de carro com o seu cão e indo aumentando ao longo do tempo.

Já na viagem não se esqueça de parar várias vezes. As paragem são importantes para o seu cão poder beber água, alimentar-se e passear um pouco. Deve evitar viajar durante as horas de maior calor. Caso esteja muito calor deve ligar o ar condicionado.

Se for viajar de avião procure preparar o seu cão para a viagem mantendo a calma. Deste modo, poderá transmitir tranquilidade ao seu melhor amigo antes da viagem. Não se esqueça que voar pode ser stressante para qualquer animal. Relembramos que há peso máximo permitido para levar animais na cabine. Procure caixas transportáveis pois costumam ser a melhor opção para levar o seu patudo num avião.

Por último, se for viajar de barco, é importante que o seu patudo se sinta confortável. Para isso, pode optar por colocar na caixa de transporte um brinquedo ou um cobertor. Algum objeto pelo qual o seu animal tenha apreço. As companhias de barco costumam inclusive ter caixas de transporte próprias que pode usar no caso de não ter uma.

Assim fica com 7 dicas que o deixam preparado para tomar a melhor decisão para o seu patudo quando chegarem as suas desejadas férias!

Deixe uma resposta